11 de maio de 2021

Tudo que você quer e que seu carro precisa.

NOVO CHEVROLET CRUZE

O novo Chevrolet Cruze chega ao mercado brasileiro em duas diferentes versões, a LT, de entrada e a LTZ, ambas com itens exclusivos – como diferentes revestimentos dos bancos e rodas com design único – que reforçam ainda mais a supremacia do sedã em termos de tecnologia, eletrônica embarcada e itens de conforto.

Em relação aos principais concorrentes, o Cruze oferece:

  • Motor com coletor de admissão e válvulas continuamente variável (Dual CVVT)
  • Transmissão automática de seis marchas, com trocas no modo sequencial e sensores de inclinação que identificam subidas e descidas e que auxiliam na condução
  • Rodas 17” em alumínio de série
  • Airbags frontais, laterais e de cortina (LTZ) de série
  • Tela de sete polegadas com navegador, sistema de entretenimento, e controle de climatização embutida no console central (LTZ),
  • Sistema de entretenimento e controle de climatização integrados no console central, com iluminação ice blue (LT)
  • Programa Eletrônico de Estabilidade (ESP)
  • Controle de Tração
  • Freios ABS com EBD de última geração e PBA – Assistência de frenagem de pânico
  • Sistema Isofix para a fixação de cadeirinha infantil
  • Interior: nova referência de qualidade e acabamento no segmento

O Chevrolet Cruze possui a integração do painel de instrumentos com os painéis de porta, com folgas justas, e o generoso espaço para as pernas, cabeça e ombros dos passageiros dos bancos traseiros.

O tema principal do design do interior, como encontrado em outros modelos da marca, é uma expressão moderna de uma linha de estilo tradicional da Chevrolet: o típico desenho de dual cockpit, solução encontrada para aproximar o condutor e o passageiro numa experiência compartilhada. O elemento central desta simetria é o console, que inclui o visor e os comandos dos sistemas de informação, entretenimento e climatização do Cruze.

A instrumentação do painel foi desenhada com a ajuda da técnica de modelagem tridimensional. Os mostradores analógicos do velocímetro e do conta-giros, com indicadores auxiliares do nível de combustível e da temperatura do motor, apresentam uma iluminação de fundo assegurada por diodos de tipo LED, que emitem uma luz clara e nítida em tom branco e azul (Ice blue), característicos dos Chevrolet. Entre estes mostradores encontra-se uma tela de cristal líquido no centro do painel de instrumentos, que exibe as informações do computador de bordo.

O forro dos bancos pode ser de tecido e couro preto na versão LT ou couro cinza na LTZ. A durabilidade é outro aspecto que se destaca nos bancos do Cruze, incluindo costuras de elevada precisão preparadas para suportar uma utilização intensiva. O curso de regulagem longitudinal dos bancos dianteiros é o mais amplo do segmento em que o Cruze se insere.

O ar-condicionado do Chevrolet Cruze tem comandos eletrônicos e inclui função AQS (Air Quality System), que mede a qualidade do ar externo e ativa a recirculação do ar, em caso do mesmo estar poluído.

Um capítulo à parte é o sistema de entretenimento integrado do Cruze. Utilizando-se da tela de 7 polegadas, localizada no console central, o sistema de navegação oferece mapas do Brasil e da Argentina, mais de 4 milhões de pontos de interesse e com uma sofisticação poucas vezes vista. Ele mostra indicações para postos de gasolina, quando o tanque do carro entra na reserva. Além disso, o carro dispõe de rádio com leitor de CD e MP3. A versão LT sai de fábrica com um amplificador de quatro canais e seis alto-falantes. Já o modelo LTZ, oferece um sistema Premium de áudio que inclui uma entrada USB para conexão de dispositivos móveis.

Concebido para uma utilização familiar, o Cruze possui um conjunto de soluções e espaços no habitáculo que lhe conferem uma elevada funcionalidade e versatilidade:

  • Console central possui um local para acomodar objetos, dois suportes para copos (ajustáveis) e tomada de 12V. O apoio de braços regulável inclui uma entrada USB e entrada auxiliar para ligar dispositivos móveis;
  • Compartimento coberto com 62 mm de profundidade, na zona superior do console central;
  • Porta-copos nas portas, com capacidade para acomodar uma garrafa de 1,5 litro (dianteiras) ou de 0,5 litro (traseiras);
  • Grande porta-luvas com iluminação;
  • Pequeno compartimento de arrumação do lado do condutor e suporte para óculos;
  • Bolsas nas costas dos bancos suficientemente amplas para acomodar livros, mapas de estradas ou computadores portáteis de fina espessura;
  • Encostos do banco traseiro bipartido (60/40), com dois suportes para copos no apoio de braço central;
  • Ganchos de conveniência atrás e no porta-malas;
  • Iluminação com temporizador. Luzes de cortesia traseiras e luzes de leitura para os assentos dianteiros;
  • Travamento central das portas e vidros de comando elétrico, estes com função de abertura total automática;
  • Retenção de energia auxiliar. Depois de desligada a ignição, permite o funcionamento dos vidros e do sistema de áudio durante 10 minutos;
  • Porta-malas com ampla abertura e capacidade de 450 litros.
  • Ecotec, uma nova geração de motores

 

Para o mercado brasileiro, o Chevrolet Cruze será equipado com o novo motor 1.8 litro Ecotec6 e duas opções de câmbio: manual e automático de seis marchas – outro item inédito no segmento.

O Cruze rende 144 cavalos quando abastecido com etanol e 140 com gasolina, ambas a 6.300 rpm. O torque máximo, com etanol, é de 18,9 kgfm e aparece já nas 3.800 rpm. Com gasolina, o torque é de 17,9 kgfm, na mesma rotação. E, além dos bons números, vale ressaltar que 90% do torque já disponível nas 2.200 rpm.

Traduzindo isso em números, o Cruze, na versão manual, vai de 0 a 100 km/h em apenas 10,8 segundos e atinge a velocidade máxima de 204 km/h, quando abastecido com etanol. Com gasolina, ele leva 11 segundos para chegar aos 100 km/h e chega aos 203 km/h de velocidade máxima.

Além da inédita caixa de transmissão manual, de 6 velocidades, o Cruze oferece outra, automática, também com seis velocidades e a opção de mudanças no modo seqüencial, oferecendo a escolha entre esportividade ou conforto. Esta caixa se adapta ao estilo de condução do motorista e conta com um sensor de inclinação que modifica as marchas segundo a necessidade. Por exemplo, em uma descida, ela reduz marchas para a ajudar a segurar o carro, mesmo sem a intervenção do motorista. Em subidas, ela evita trocas desnecessárias de marcha.

Fonte: Imprensa Chevrolet.