13 de maio de 2021

Tudo que você quer e que seu carro precisa.

Novo Chevrolet Camaro Z/28

A Chevrolet apresentou no Salão Automóvel de Nova Iorque a renovada gama Camaro e traz de a volta do lendário Z/28, a versão mais desejada de toda a história deste modelo icónico da marca norte-americana.

A gama Camaro para 2014 apresenta um visual exterior renovado, incluindo alterações relevantes na aerodinâmica, capazes de incrementar não só a estabilidade a alta velocidade como também o arrefecimento dos diversos componentes. O novo Camaro Z/28 junta ainda soluções integradas de aerodinâmica que criam força descendente (downforce) a alta velocidade, o que lhe confere caraterísticas esportivas únicas e o afirmam como o Camaro mais apto para pista de todos os tempos.

“O novo modelo constitui a máxima referência em termos de aptidões em pista, e nesse sentido recupera a missão do Z/28 original, servindo como um testemunho da competência da Chevrolet enquanto marca mais vendida no segmento de automóveis de elevado de desempenho”, referiu o presidente da GM North America, Mark Reuss. “Todo o conceito subjacente ao novo Z/28 é o sonho de qualquer piloto: construção em materiais leves, motor LS7 de cárter seco e extremamente rotativo, freios em carbono e cerâmica, refrigeração integrada para utilização em pista, aerodinâmica de força descendente e uma significativa redução do peso.

O primeiro Camaro Z/28 foi apresentado em 1967, com o objetivo de competir na Classe Trans-Am 2 organizada pelo Sports Car Club of America. Contava com um motor V8 compacto e leve, com 4949 cc, ideal para a distribuição de peso, bem como a direção de desmultiplicação rápida e suspensão de alto desempenho, tudo soluções idealizadas para a competição. Tendo em conta que se tratava de um modelo de estrada preparado para correr, o Camaro Z/28 de 1968 não estava disponível com caixa automática ou ar condicionado.

 

Apesar de o novo Camaro Z/28 não ter como objetivo participar em nenhum tipo de provas específicas, a sua conceção está totalmente focada nas aptidões em pista. Logo nos primeiros testes, o Camaro Z/28 foi três segundos mais rápido por volta que o Camaro ZL1, fato que provém de três áreas: 

  • Aderência superior: o Z/28 é capaz de atingir 1.05 g de aceleração em curva, graças aos amplos melhoramentos no chassis;
  • Aumento da potência de frenagem: o Z/28 conta com freios Brembo em carbono e cerâmica, capazes de obter 1,5 g em desaceleração, e de manter a mesma sensibilidade de frenagem volta após volta;
  • Redução do peso em vazio: o Z/28 naturalmente aspirado pesa menos 112 kg que o Camaro ZL1 sobrealimentado (turbo), uma poupança que se fica a dever a vários fatores, desde as rodas mais leves à menor espessura do vidro traseiro.

Tal como o modelo original, o novo Camaro Z/28 está disponível apenas com câmbio manual. No entanto, cedendo às exigências dos tempos modernos, o ar condicionado está disponível, mas somente como opcional.

As declarações do engenheiro-chefe do Camaro, Al Oppenheiser, deixam bem claros os objetivos do desenvolvimento técnico: “Propusemo-nos a conceber o Camaro de estrada/pista que fosse o mais veloz possível, sem deixar de ser um automóvel para uso em via pública”. Oppenheiser destaca que “ao passo que o Camaro ZL1 oferece performances excecionais em estrada, nas pistas de aceleração (drag strip) e em pista, o Z/28 está totalmente orientado para o desempenho em circuito. Para a maioria dos condutores, o Z/28 poderá revelar-se demasiado orientado para pista, mas para aos pilotos será um dos modelos mais competentes de sempre produzido por uma marca de automóveis”.

A renovada gama Camaro estará disponível nos concessionários Chevrolet norte americanos no final de 2013.

Durante o segundo bimestre de 2014, está prevista a presença do Camaro Z/28 em diversos eventos esportivos por todos os Estados Unidos.

Fonte: © GM Corp.